“Sou feito da inteira evolução da Terra; sou um microcosmo do macrocosmo. Nada há no universo que não esteja em mim. O inteiro universo está encapsulado em mim, como uma árvore numa semente. Nada há ali fora no universo que não esteja aqui, em mim. Terra, ar, fogo, água, tempo, espaço, luz, história, evolução e consciência – tudo está em mim. No primeiro instante do Big Bang eu estava lá, por isso trago em mim a inteira evolução da Terra. Também trago em mim os biliões de anos de evolução por vir. Sou o passado e o futuro. A nossa identidade não pode ser definida tão estreitamente como ao afirmar que sou inglês, indiano, cristão, muçulmano, hindu, budista, médico ou advogado. Estas identidades rajásicas são secundárias, de conveniência. A nossa identidade verdadeira ou sáttvica é cósmica, universal. Quando me torno consciente desta identidade primordial, sáttvica, posso ver então o meu verdadeiro lugar no universo e cada uma das minhas acções torna-se uma acção sáttvica, uma acção espiritual”

- Satish Kumar, Spiritual Compass, The Three Qualities of Life, Foxhole, Green Books, 2007, p.77.

“Um ser humano é parte do todo por nós chamado “universo”, uma parte limitada no tempo e no espaço. Nós experimentamo-nos, aos nossos pensamentos e sentimentos, como algo separado do resto – uma espécie de ilusão de óptica da nossa consciência. Esta ilusão é uma espécie de prisão para nós, restringindo-nos aos nossos desejos pessoais e ao afecto por algumas pessoas que nos são mais próximas. A nossa tarefa deve ser a de nos libertarmos desta prisão ampliando o nosso círculo de compreensão e de compaixão de modo a que abranja todas as criaturas vivas e o todo da Natureza na sua beleza”

- Einstein

“Na verdade, não estou seguro de que existo. Sou todos os escritores que li, todas as pessoas que encontrei, todas as mulheres que amei, todas as cidades que visitei”

- Jorge Luis Borges

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Curso de Introdução à Meditação - nível I - 5, 12, 19 de Setembro, 20:30-22:30


Curso de Introdução à Meditação - Nível I - Pacificar e Despertar a Mente, Abrir o Coração

Data: 05, 12 e 19 de Setembro | das 20h30 às 22h30

A redescoberta da meditação, particularmente na vertente da atenção plena (mindfulness), é considerada “a grande revolução silenciosa do século XXI”. A sua prática está cada vez mais presente na vida das pessoas e das instituições como resposta a algumas das consequências dos nossos modos de vida: preocupações, cansaço, conflitos, stress, ansiedade, confusão, agitação, dispersão e outras perturbações emocionais. A meditação baseia-se na evidência de que aquilo que todos procuramos - felicidade, saúde, paz e bem-estar - depende menos de factores externos do que do estado interior da mente. A base da experiência meditativa consiste assim em treinar a mente para manter uma atenção focada, calma e clara na experiência presente, sem juízos, conflitos e comentários, o que suscita uma crescente paz interior que permite uma visão mais clara e uma acção mais consciente, empática e eficaz. Daí a meditação ser cada vez mais procurada como via para o autoconhecimento e o desenvolvimento pessoal, a par de estar no centro da investigação neurocientífica, dos cuidados de saúde, da educação e do desenvolvimento sócio-profissional, da liderança e da vida empresarial, da consciência ambiental e da transformação social. A meditação inclui entre os seus imensos benefícios a redução do stress e da ansiedade, a prevenção e tratamento da depressão, o desenvolvimento cerebral e o retardar do envelhecimento.

Neste curso recorda-se que, para além destes benefícios, a meditação é um elemento fundamental de um caminho de realização integral do ser humano, que nos conduz a uma plena abertura e despertar da consciência e do coração. Este curso habilita os participantes a continuarem uma prática regular individualmente e em grupo e terá uma continuidade em outros dois níveis. A metodologia é a que está exposta de modo desenvolvido no livro O Coração da Vida. Visão, meditação, transformação integral (Lisboa, Mahatma, 2015).

Programa

1 – O que é a meditação e quais os seus benefícios? A meditação laica e a meditação budista
2 – Porquê praticar?
3 – Como praticar?
3.1. Preparação
3.2. Os sete pontos da postura
3.3. Atenção plena ao corpo e às sensações físicas
3.4. Atenção plena à respiração e às sensações respiratórias
3.5. Atenção plena aos fenómenos mentais
3.6. Atenção plena aos fenómenos externos (abertura dos cinco sentidos)
3.7. Meditação sem objecto ou presença aberta
3.8. Meditação em pé e a caminhar
3.9. Meditação da alegria, do amor e da compaixão universais
4. Conclusão, instruções finais para continuar uma prática regular e dedicatória

Facilitador: Paulo Borges

Professor de Filosofia e Meditação, Pensamento Oriental e Filosofia da Religião no Departamento de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Professor de Técnicas Meditativas na Escola Superior de Enfermagem de Lisboa em 2011-2012 e 2012-2013. Ex-presidente e membro da Direcção da Associação Agostinho da Silva. Sócio-fundador e ex-presidente da União Budista Portuguesa. Sócio-fundador e presidente do Círculo do Entre-Ser, associação filosófica e ética.

Autor de centenas de conferências e artigos em revistas científicas e obras colectivas, publicados em Portugal, Espanha, França, Itália, Roménia, Alemanha e Brasil, bem como de 43 livros de ensaio filosófico, poesia, ficção e teatro. Obras mais recentes: É a Hora! A mensagem da Mensagem de Fernando Pessoa, Lisboa, Temas e Debates / Círculo de Leitores, 2013; Quem é o meu próximo? Ensaios e textos de intervenção por uma consciência e uma ética globais e um novo paradigma cultural e civilizacional, Lisboa, Edições Mahatma, 2014; O Coração da Vida. Visão, meditação, transformação integral, Lisboa, Edições Mahatma, 2015 (guia prático de meditação); Agostinho da Silva. Uma antologia temática e cronológica, Lisboa, Âncora Editora, 2016, 3ª edição.

Praticante de meditação e da via do Buda desde 1983, na escola Nyingma do budismo tibetano, integrando a partir de 2012 os ensinamentos de Thich Nhat Hanh, sendo desde 2015 filiado na escola Linji (Rinzai) do budismo Ch’an / Zen. Co-organizador das duas vindas de S. S. o Dalai Lama a Portugal. Instrutor de meditação desde 1999, tendo realizado centenas de conferências, workshops, cursos e retiros por todo o país, também em empresas e instituições como o Ministério da Defesa Nacional, a Escola Superior de Enfermagem de Lisboa e a Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa.

Local: Sede do Círculo do Entre-Ser: O Coração do Mundo – Centro de Estudos e Práticas para o Despertar da Consciência – Av. Duque de Ávila, 95, 3º andar, Lisboa (a 2 minutos do metro do Saldanha)

Convém trazer caneta e bloco-notas e roupas confortáveis.

Contribuição: 40 euros (uma real indisponibilidade financeira não é impeditiva)

----------------
Inscrições:
- preenchendo o formulário: https://goo.gl/forms/R29igH685RCJ9Gzt1
ou
- enviando email para inscricoes@circuloentreser.org
----------------
Chegar 15 m mais cedo na 1ª sessão para fazer o pagamento

Sem comentários :

Publicar um comentário